Quais os cuidados na hora da escolha de materiais?

No momento de selecionar qualquer tipo de material, independentemente da finalidade, é importante prezar pela qualidade e uma série de fatores que estão relacionados com a função de cada item.

Quando se trata de modelos de telhados, é válido considerar que as coberturas, de maneira geral, assumem uma importante função para a proteção dos locais contra intempéries.

No momento de escolher a estrutura do telhado e as telhas, é preciso observar pontos como os seguintes:

  • Impermeabilidade;
  • Manutenção;
  • Isolamento acústico;
  • Coloração;
  • Textura;
  • Durabilidade;
  • Isolamento térmico.

As superfícies planas dos telhados são chamadas de águas e uma das maneiras de distinção dos modelos de telhados é por meio deste fator.

O telhado uma água, também chamado de meia água, é caracterizado por apenas uma superfície plana que cobre uma pequena área e apresenta declividade. Por esse motivo, comumente é colocada para a proteção de entradas.

Já a alternativa duas águas, conforme o próprio nome indica, conta com duas superfícies planas, que podem ter inclinações distintas ou iguais.

De acordo com as formas da cobertura, as águas também podem variar. Por exemplo, edificações quadrilaterais, irregulares ou não, contam com quatro águas.

No caso do telhamento, os materiais também podem ser variados. Por exemplo, as telhas de vidro apresentam um grande potencial de viabilizar a aplicação descontínua.

Além disso, correspondem a elementos que podem ser translúcidos ou transparentes. No primeiro caso, a luz não ultrapassa com tanta facilidade, diferentemente dos transparentes.

Diferentes modelos podem ser encontrados, como as telhas de vidro portuguesa preço, que apresentam inclinação de cerca de 30%, enquanto na colonial atende a 20% de declividade.

Características da escolha de vigas

As vigas, também chamadas de perfis, correspondem a elementos estruturais de grande importância.

Afinal, são comumente aplicadas para atender a transferência de esforços verticais ou para a transmissão de cargas concentradas, sendo este segundo caso mais visado quando exercem a função de suporte para pilares.

De qualquer forma, se pode observar que são elementos com papéis significativos na base de construções.

Por exemplo, a viga de ferro é comumente empregada devido ao manuseio prático que apresenta e além disso, o emprego de estruturas metálicas  viabilizam um maior espaço útil, o que pode ser favorável para lugares como garagens e galpões.

De qualquer forma, é fundamental que existam análises estruturais minuciosas para definir o melhor tipo de perfil a ser empregado, uma vez que diferentes alternativas podem ser encontradas e divergem muito além do material.

perfil u é uma das opções mais empregadas quando se trata de perfis de aço.

O simples é constituído por três chapas e apresenta grande versatilidade, principalmente para atender obras de grande porte. Já o perfil U enrijecido é uma variação do anterior, sendo composto por placa de aço laminado.

A principal distinção é que a opção enrijecida conta com dobras internas e apresenta maior resistência.

Por esse motivo, além de atender grandes construções, esse perfil também é empregado em obras que exigem maior resistência, como as que contam com estruturas mecânicas mais pesadas.

As aplicações de tubos

Assim como outros elementos do texto, no caso dos tubos, também é crucial garantir uma boa seleção. Afinal, os tubos são amplamente aplicados para a condução de fluídos e é preciso analisar quais são as propriedades necessárias para cada tipo de aplicação.

O tubo dreno corrugado, por exemplo, é ideal para aplicações de drenagem que exigem grande resistência. São aplicados para a coleta e escoamento do excesso de líquido que é filtrado do solo.

A principal vantagem em relação a esse tipo de tubo, é que pode ser instalado em desníveis, curvas e atender a longas extensões.

O que permite o escoamento dos líquidos coletados são perfurações nestes tubos, mas para obter resultados favoráveis, é preciso garantir uma capacidade favorável, tanto para condução, quanto para a vazão.

Por esse motivo, sua produção é essencialmente com Polietileno de Alta Densidade (PEAD), pois garante a flexibilidade necessária.

Outro exemplo corresponde ao tubo aluminio, que diferentemente do corrugado, é aplicado para a condução de água quente ou gelada, ar comprimido e nitrogênio.

Além disso, também podem ser utilizados em sistemas de irrigação, iluminação, ventilação, entre outras possibilidades ligadas aos mais variados setores.

É válido considerar que uma vez que há grande diversidade entre os itens apresentados ao longo do texto, principalmente para a aplicação.

As especificações dos materiais e da finalidade a ser atendida devem ser observadas por profissionais devidamente preparados, em especial, para garantir bons resultados.