Equipamentos e proteções importantes para iniciar obras

Planejamento, gestão de pessoas e administração do orçamento. Ao contrário do que boa parte das pessoas pensa, uma obra é muito mais do que assentar tijolos: há muitas rotinas administrativas por trás de todo e qualquer projeto que é concluído.

Por conta disso, ao conduzir uma construção ou uma reforma, é importante ter em mente que é preciso providenciar uma série de itens fundamentais para a execução.

Além da questão da praticidade, boa parte deles é necessária para preservar a segurança tanto dos funcionários que atuam no canteiro quanto de pessoas e de veículos que circulam pelas imediações.

Quer aprender mais a respeito? Então continue lendo e confira algumas dicas de itens que são importantes para executar a sua obra com tranquilidade.

  1. Redes de proteção

Com a escassez de terrenos livres para novos projetos imobiliários, cada vez mais incorporadoras têm investido na verticalização.

Em outras palavras, isso significa que elas preferem projetar edifícios com muitos andares – e, consequentemente, mais unidades – de modo que eles sejam mais rentáveis para a empresa.

Quando for esse o caso, é essencial providenciar redes de proteção antes que os trabalhos comecem. Trata-se de redes feitas de materiais resistentes, como o polietileno e que têm orifícios muito pequenos.

Deste modo, apesar de simples, elas são de grande ajuda para evitar quedas. Prova disso é o fato de que elas costumam ser instaladas em janelas, sacadas e até mesmo vãos de escadas de imóveis já ocupados, de forma a evitar acidentes envolvendo animais de estimação e crianças pequenas.

Vale ressaltar que, para que o incremento na segurança se concretize, é necessário investir em um material de qualidade.

Por exemplo: caso um fornecedor tenha uma tela de proteção preço m2 muito abaixo da média do mercado, é preciso suspeitar.

Isso porque as chances de que o material não seja de qualidade – e tampouco seguro – são grandes. Deste modo, o foco deve ser a relação custo-benefício.

  1. Veículos para transporte

Durante a fase de planejamento, a elaboração do cronograma de execução do projeto é de vital importância. Isso pois, além de garantir que tudo transcorrerá dentro do prazo, faz com que seja possível coordenar as entregas de material de construção com os períodos nos quais eles serão necessários, evitando o desperdício de espaço no canteiro de obras.

Para garantir que isso aconteça, também é preciso pensar em outro fator: o transporte.

Na prática, isso significa que, quando o fornecedor em questão não trabalhar com a entrega da mercadoria, pode ser preciso fretar veículos que transportem os produtos até o canteiro de obras de uma forma eficiente, segura e pontual.

Outro item que deve ser levado em consideração nesse ponto é o fato de que, à medida que uma obra se desenrola, ela gera entulho, que, por sua vez, deve ser retirado do local.

Portanto, também é preciso pensar no transporte de container, como veremos mais adiante.

  1. Equipamentos de içamento

Quem atua no segmento de construção civil sabe que é preciso lidar com objetos muito pesados, praticamente impossíveis de serem transportados apenas com a força humana.

Por conta disso, costuma-se usar equipamentos com essa finalidade, tais como:

  • Guindastes;

  • Pontes rolantes;

  • Caminhões munck;

  • Acessórios, como cintas e balancins.

Para garantir a eficiência dos trabalhos, é muito importante providenciar todas essas máquinas antes do início da obra.

No caso da construção civil, o aluguel de caminhão munck é uma das opções mais populares: Por mais que ele consiga içar cargas sem maiores problemas, ele é menor e mais ágil que o guindaste tradicional.

Por esse motivo, esta máquina ocupa menos espaço e ajuda a fazer com que os trabalhos transcorram de uma forma mais eficiente.

  1. Aluguel de contêineres

Nos últimos anos, a sustentabilidade se tornou uma prioridade em boa parte dos segmentos econômicos. Isso acontece principalmente por uma mudança na postura dos consumidores: Mais conscientes, eles demandam que as empresas que lhes forneçam produtos e serviços também o sejam.

Da mesma maneira, o poder público tem fechado o cerco contra empresas que adotam práticas prejudiciais ao meio ambiente.

No caso das construtoras, há um controle cada vez maior do descarte de resíduos, que deve ser sempre realizado em um local apropriado para tal.

Para evitar problemas junto ao governo e ao público, será preciso contar com contêineres na obra. A boa notícia é que isso não tem que consumir uma fatia considerável do seu orçamento, pois é possível tanto comprar um container usado quanto optar por sua locação.